segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Quem está batendo no chão? - de Cristina Santos


(...)
- Eu. Tenho três mil anos e quero contar algumas histórias. Querem que eu conte algumas histórias? Sentem, não tem mais ninguém para chegar, porque só restamos nós três: Eu, Você, e Ela. Eu. Eu ouvi todas as histórias possíveis, antes de Você matar todos os habitantes deste mundo que Ela poderia gerar.


- Você. Eu fiz. Você fez? Sim, eu fiz. Eu peguei a faca e foi tudo tão rápido... enfiei em sua barriga. Foi mais difícil do que aparece nos filmes... houve uma certa resistência para a entrada do objeto. Talvez porque não foi a faca adequada ou talvez porque eu não tenho força o suficiente ou  eu... enfim... eu... Você. mas entrou... e a pessoa ficou tão assustada, foi tão inesperado que não gritou e não reagiu. Estranho, né? Ou gritou e reagiu e eu/Você não ouvi/ouviu e nem percebi? Mas foi tão bom. Foi... tão estranhamente bom que... ah... eu comecei a ficar excitada em ver aquela pessoa caída no chão com o sangue saindo de sua barriga e manchando de maneira tão bonita a sua camiseta branca, que parecia que formava um desenho. eu/Você começou/comecei a ficar tão excitada, eu já falei isso, né? Mas é que foi tão excitante, que senti uma vontade louca de me masturbar e comecei a me tocar lá... fui direto para o meio das minhas pernas... (RESPIRAÇÃO) Nossos olhos estavam hipnotizados... (RESPIRAÇÃO) Você realmente não vai falar nada, não é?  (RESPIRAÇÃO ... ALIVIO) Gozei no momento em que seus olhos pararam de brilhar.    

(...) 


Cristina Santos: paulistana, vegetariana, pisciana com ascendente em libra e lua em escorpião, é atriz, diretora e escritora. Em junho de 2001 formou-se em atuação no Colégio William Shakespeare – Emílio Fontana. Em dezembro de 2015 se formou em dramaturgia pela SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco. E desde janeiro de 2014 integra o Coletivo de Dramaturgia: Malditos Dramaturgos!.

Nenhum comentário: